quarta-feira, 17 de junho de 2009

Chegou o grande dia, vai pra cima Coringão!

Hoje o Pacaembu estará recebendo o seu maior público no ano (segundo a minha intuição feminina! Rs). As arquibancadas estarão todas lotadas, a Fiel vai cantar sem parar os 90 minutos, vai ter 22 caras correndo atrás da bola pra lá e pra cá, vai ter também um “trio parada dura” tentando por ordem no negócio... Enfim! Isso tudo é muito previsível e todos nós já sabemos, porém, eu quero ver quem é capaz de prever os números que aparecerão no placar assim que ressoar o apito final de Heber Roberto Lopes, sinalizando o fim do primeiro “round” dessa disputa, em busca do título da Copa do Brasil.


Eu digo aqui, em alto em bom som... Ou melhor, eu escrevo aqui, em letras mais do que legíveis que, se o Corinthians não tomar um golzinho sequer, ahhhh... Já era! É só correr pro abraço e deixar o resto pro dia 1º de julho! Nem preciso dizer mais nada, né? Para bom leitor, meias palavrinhas já bastam!


E bom, já que o maior dos problemas está em não tomar gol, eis que nós temos a solução! Tudo começa do começo, e não é redundância! A nossa muralha começa a se formar a partir dele, o número 1 Felipe. O arqueiro alvinegro vem pegando bola de tudo quanto é jeito e já está há 300 minutos sem tomar gol. Para dar um apoio moral, temos nada mais nada menos que o nosso xerife Chicão, o zagueiro-artilheiro que tem como companheiro de zaga o capitão Willian, que conta com o lateral direito que mais joga no Brasil, o Alessandro. Lá na esquerda a gente não tem o André pra esse jogo, só que temos ainda Diego ou Wellington Saci, que podem entrar e segurar a barra na boa!


Agora, jogar na retranca só também não dá né, Mano? Portanto, contamos com o melhor dos melhores no ataque: Ronaldo! Ás vezes, também conhecido como Dentão e sempre conhecido como Fenômeno. Para formar a dupla com Dentão, nada melhor que o Dentinho! É o encaixe perfeito, tipo o “gordo e magro”, saca? Para completar temos Jorge Henrique, Douglas, Elias, Boquita e companhia ltda. É gente que não acaba mais.


Como nem tudo fica por conta da habilidade, categoria e tal, demos a sorte da gauchada vir desfalcada e não precisaremos nos preocupar com Nilmar, D’Alessandro, Boolívar e Kleber. E preste bem atenção, isso não é medo, é apenas questão de poupá-los de uma humilhação maior. Sabe como é, né?


Gente, ano passado esse grito de “é campeão”, da Copa do Brasil, ficou mais do que entalado! Doeu mais do que a queda para a série B, era uma coisa tão certa quanto 2+2 é igual a 4. Mas o Carlinhos Bala avisou: o gol do Sport no Pacaembu foi o gol do título! E é por isso que eu digo, não podemos tomar gol hoje! Saravá São Jorge, Ele vai nos ajudar! Hoje o Pacaembu vai ficar pequeno pra mim! Fiel, aí vou eu!!!!!


Rezem, gritem, cantem, esperneiem, façam simpatias, ascendam suas velas para São Jorge... só não deixem de torcer! Vai, Corinthians!

6 comentários:

  1. Gi, minha amiga querida dos belos olhos azuis, toda a sorte do mundo para vocês logo mais!!!
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Gí,sei lá entende? Nós venceremos!Bjs!!!

    ResponderExcluir
  3. Amiga!!!! Jogão!!! Boa sorte p vcs...bj

    ResponderExcluir
  4. Gi, boa sorte ao Timão! O RJ tá na área!Bj!

    ResponderExcluir
  5. GI !! TE ADORO...... MAS........ VAMO VAMO INTER!!! RSRS BJS!!

    ResponderExcluir
  6. Amiga sinceramente,não acho que seja só não tomar gol.Por exemplo se for 0x0 não teria a mesma certeza sua ,logico que não sou torcedor corintiano,mas estou analizando framente,pois no jogo de volta o Inter estará completo e no Beira Rio é complicado.Agora em caso de vitoria corintiana por mais de um gol sem ter sofrido nenhum,ai eu concordo que ja era.

    ResponderExcluir